Itália e Líbia resgatam 2.900 imigrantes no Mediterrâneo

Aedes consegue transmitir zika, dengue e chikungunya na mesma picada, diz estudo
19 de maio de 2017
Trump recebe presidente da Colômbia para falar sobre drogas e Venezuela
19 de maio de 2017

Ao menos 2.900 emigrantes foram resgatados ontem (19.05) no Mar Mediterrâneo; incluindo 2.300 que seguiam para a Itália, informaram as guardas costeiras italiana e líbia.

Em águas internacionais – diante da costa líbia – a guarda costeira italiana anunciou ter coordenado o resgate de 2.300 imigrantes que haviam embarcado em 12 botes infláveis. O grupo foi socorrido por navios italianos, da operação naval europeia Sophia e por barcos de ONGs.