Comissão que examinará crise no Presídio Regional já tem dois nomes

Prefeito de Florianópolis é solto após prestar depoimento
19 de junho de 2019
Caixa inicia hoje liberação do FGTS para atingidos por chuva em Joinville
24 de junho de 2019

Já estão definidas duas das cadeiras da comissão especial criada para examinar e opinar sobre a crise do Presídio Regional de Joinville. O proponente da comissão, o vereador Richard Harrison (MDB), e o vereador Fabio Dalonso (PSD) são os primeiros nomes indicados conforme os critérios de proporcionalidade. Ainda precisam ser definidas três cadeiras, nos próximos dias, das quais uma deve ser ocupada por um indicado do PSB e as outras duas por indicados conjuntamente por PL, SD, PSDB e PSC.

Harrison apelou em especial aos vereadores que têm atuação em bairros da Zona Sul, mais próximos ao complexo prisional, para que acompanhem a comissão. Há pouco mais de um mês o tema repercute na Casa, desde que o juiz da vara de execuções penais, João Marcos Buch, anunciou que poderia proibir o recebimento de novos detentos no Presídio. O fechamento foi determinado no início do mês e os novos presos estavam sendo remanejados para outras unidades do sistema prisional de Santa Catarina. No dia 10, o Tribunal de Justiça de Santa Catarina revogou a decisão do juiz, permitindo a entrada de novos presos na unidade.