GNV tem leve redução de tarifa no Estado

Trecho da rua Tuiuti interditado para recuperação de via pública
11 de julho de 2019
Bairros da zona Leste de Joinville estão com abastecimento comprometido
12 de julho de 2019

Com o anúncio de leve queda de -0,51% na tarifa de GNV para o segundo semestre de 2019, a SCGÁS distribui atualmente o combustível a 131 postos catarinenses por cerca de R$ 1,80 sem o ICMS-ST. Todos os postos do Estado adquirem o insumo pelo mesmo valor e são eles que definem o preço final pago pelos motoristas nas bombas, tendo em vista que no Brasil vigora regime de liberdade de preços em todos os segmentos do mercado de combustíveis e derivados de petróleo, sem existência de tabelamento nem fixação de valores máximos e mínimos.

O levantamento de maio feito pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) mostra que o preço médio do GNV nos postos de Santa Catarina era de R$ 2,885 por metro cúbico, enquanto o etanol custava aos consumidores, por litro, R$ 3,68 e a gasolina R$ 4,244. Em termos práticos, abastecendo R$ 30,00 o motorista rodará 137 km com GNV, enquanto abastecendo o mesmo valor de gasolina, será possível percorrer apenas 76 km – o que representa uma vantagem de 45%. Quando comparado ao etanol, o gás natural veicular é ainda mais vantajoso, apresentando até 52% de economia – abastecendo os mesmos R$30,00 com etanol, o motorista rodará somente 65 km.

A conversão de veículos para kits GNV cresceu nos últimos anos em Santa Catarina, que tem hoje a terceira maior frota do país com mais de 100.000 veículos emplacados rodando com o combustível. Para fazer a instalação, basta procurar uma oficina autorizada pelo Inmetro. No aplicativo Rota GNV da SCGÁS é possível conferir a lista das instaladoras autorizadas, calcular o retorno de investimento e também acessar mapa com todos os postos para abastecer com GNV no Estado.