Saiba quais são as regras para a realização de reuniões em locais regularizados

Foto Divulgação
Casa da Cultura de Joinville divulga calendário de rematrículas para alunos da instituição
15 de outubro de 2020
Prefeitura de Joinville faz ação de limpeza e combate à dengue no Espinheiros
16 de outubro de 2020

A Prefeitura de Joinville, por meio da Vigilância Sanitária, elaborou uma Nota Técnica com as diretrizes para a realização de reuniões familiares, corporativas e políticas, em espaços devidamente regularizados. O objetivo de tais cuidados é continuar minimizando os riscos de transmissão do novo coronavírus.

As reuniões devem ser restritas a convidados, sem cobrança de ingresso, e com controle de lista de presença. Essa medida é para facilitar o rastreamento de algum indivíduo pelo órgão sanitário, se houver necessidade.

De modo geral, são reforçados os cuidados de controle com o distanciamento social, higiene, limitação de pessoas no espaço. Por exemplo, deve ser feita a aferição de temperatura corporal, na entrada do local, sem contato físico, dos trabalhadores e dos participantes.

Todos no local devem manter o uso de máscara, de forma correta. E precisa ser disponibilizado álcool 70%, na entrada e em pontos estratégicos, para higienização das mãos.

Aniversários e casamento podem ser realizados. Mas será necessário guardar o arquivo com a lista de convidados e de fornecedores, por até 30 dias da realização, para possível comunicação de casos identificados. O mesmo vale para reuniões corporativas e políticas.

 

Continuam sendo proibido o funcionamento de pista de dança, palcos e outras áreas incompatíveis com as atividades provisoriamente autorizadas, seja as de restaurante ou bar.

 

A gerente da Vigilância Sanitária, Edilaine Pacheco, alerta que as penalidades podem ser aplicadas de modo retroativo, a partir de registro de vídeos ou fotos, com data e horário, comprovando o descumprimento das normas.

 

“Entendemos a necessidade destes setores econômicos voltarem a funcionar, mas é preciso que cumpram as determinações e tenham os cuidados redobrados para mantermos a segurança da cidade. Continuaremos as fiscalizações e autuando os responsáveis, caso ocorra desrespeito às regras, com risco de interdição do estabelecimento até o fim da pandemia”, avisa ela.

 

Sobre a utilização dos brinquedos nas áreas de festa, também há diversos pontos a serem observados. Entre eles, a higienização diária, presença do monitor para garantir a higienização das mãos das crianças antes de brincar, e garantia do uso de máscara.

 

Como são muitos detalhes, o conteúdo completo da nota técnica deve ser examinado atentamente pelos responsáveis por tais reuniões, pois serão responsabilizados, e sujeitos à multa e interdição, caso não cumpram as determinações.